Pós-pandemia na construção civil: 3 tendências para você acompanhar

  1. Início
  2. Tendências
  3. Pós-pandemia na construção civil: 3 tendências para você acompanhar

A pandemia do coronavírus trouxe muitos desafios e novos hábitos passaram a ocupar nossa rotina, como o uso de máscaras e do álcool em gel. Mas, para além disso, a COVID-19 vem proporcionando muitas mudanças em diversos setores da economia, as quais tendem a ficar. O pós-pandemia na construção civil, por exemplo, será repleto de novidades.

O mercado precisou se adaptar às novas demandas e realizar de forma rápida transformações importantes, muitas que possivelmente aconteceriam em algum momento. Um exemplo disso é a adesão ao home office, modelo de trabalho que irá permanecer após a doença. Neste post, vamos mostrar as principais tendências que se encaminham para perdurar na construção civil após a pandemia. Confira!

Tendências da pós-pandemia na construção civil

Os impactos causados pela COVID-19 deixarão marcas em toda sociedade e no mercado. Mudanças de comportamento provocadas pela doença tendem a perdurar em vários segmentos, como na construção civil. Veja, a seguir, três tendências para saber como ficarão alguns pontos desse mercado pós-pandemia.

1. Praticidade em projetos e construções

Para reduzir o número de infectados com o novo coronavírus, entidades de saúde recomendaram o isolamento em todos os países que enfrentam a pandemia. A quarentena levou milhares de pessoas a passarem horas em casa e, aos poucos, foram observados problemas relacionados ao espaço. A tendência é que no pós-pandemia projetos residenciais sejam elaborados com soluções mais práticas e funcionais para os seus moradores.

O home office tende a se solidificar em muitas empresas e, por esse motivo, será mais comum que os novos empreendimentos venham com um cômodo livre pensado para essa função. Também deve aumentar o número de projetos residenciais com áreas comuns para coworking, modelo de trabalho em espaços colaborativos.

2. Valorização da atividade produtiva com menor gasto por hora

Muitos processos precisaram ser automatizados com a chegada da pandemia. Na construção civil, a possibilidade de realizar o relacionamento com o cliente de forma digital proporcionou atendimentos mais rápidos. Orçamentos de materiais podem ser feitos de forma online, além da possibilidade do delivery. A informatização com um sistema de gestão de dados favorece a coleta dos dados, que otimiza a atividade produtiva no canteiro de obras, melhorando os resultados.

3. Intensificação do uso da construção modular e semi-modular

A popularização da construção modular e semi-modular também é uma das tendências pós-pandemia na construção civil. Nesses casos, são fabricados módulos individuais, produzidos em linha de montagem padronizada, para serem montados apenas no canteiro de obra.

Grandes construções podem ser feitas com o uso desses módulos, como casas de luxo, condomínios e hospitais. O uso da construção modular e semi-modular favorece a agilidade na entrega das obras, já que boa parte das peças podem ser construídas sem a necessidade de esperar a preparação do terreno.

Portanto, é importante ficar atento às tendências pós-pandemia na construção civil para acelerar a retomada do crescimento desse setor. Conte com soluções tecnológicas eficientes para ajudar nesse processo e implemente inovação no seu negócio.

Quer organizar o sistema de gestão da sua obra de forma eficiente e segura? Entre em contato com os profissionais da Qualitab e conheça nossas soluções!

Tendências
Talvez você também goste:

Receba conteúdos em seu e-mail!

    Conteúdos recomendados

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Preencha esse campo
    Preencha esse campo
    Digite um endereço de e-mail válido.
    Você precisa concordar com os termos para prosseguir