Saiba quais são as principais causas de atrasos na construção civil

  1. Início
  2. Boas práticas
  3. Saiba quais são as principais causas de atrasos na construção civil

Um dos problemas mais recorrentes no canteiro de obras é o atraso, e suas consequências são danosas para o cumprimento do cronograma. Isso gera insatisfação com os clientes, causando, inclusive, um desgaste na imagem do seu negócio. Devido a isso, surge uma série de implicações e o aumento de gastos com a obra podem fugir do controle.

A equipe envolvida na execução das obras precisa ter os processos bem ajustados para enfrentar os problemas que vão aparecer e assim escapar dos atrasos como também dos gastos extras. Por mais que as equipes de gestão façam seu trabalho de planejamento, imprevistos podem acontecer, e é preciso saber contorná-los da melhor forma possível.

Então, leia o artigo que preparamos. Listamos quatro causas de atraso em obras mais recorrentes e como evitá-los. Confira!

1. Falta de planejamento

É fundamental o planejamento para determinar o cronograma, bem como o prazo de execução das atividades a serem realizadas, o tempo gasto em cada tarefa e saber quais recursos serão necessários para a sua execução.

A vantagem do planejamento é a possibilidade prevenir os riscos. Também é uma etapa inquestionável, a gestão desses riscos para não haver atrasos na construção civil.

2. Equipe desqualificada e desmotivada

Mão de obra qualificada é outra forma de impedir atrasos. A construção civil conta com atividades que exigem conhecimento e experiência para serem realizadas. É extremamente vantajoso para a gestão de seus empreendimentos contar com a melhor equipe de campo.

As tarefas, executadas conforme as normas vigentes,reduz o risco dos retrabalhos e as conferências excessivamente demoradas e improdutivas. Além disto, profissionais experientes são mais produtivos.

3. Não investir em novas tecnologias

A engenharia civil, ainda que seja muito conservadora, aponta novos métodos executivos e para sair na frente da concorrência, profissionais e empreendedores têm de se reinventar frequentemente.

Informar-se das novidade no setor, sobretudo na implantação de novas tecnologias que aceleram as atividades diárias e aumentam os índices de produtividade. Invista nesses projetos, inclusive, para o fortalecimento da sua imagem frente ao mercado, isso atrai novos clientes e receitas para o próprio negócio.

4. Falta de avaliações periódicas ao longo do projeto

Durante a execução de uma obra, é aconselhável dar atenção a algumas questões. Elas indicam a evolução da construção e apontam quais os caminhos e assim, tomar as melhores decisões. O que controlar e qual a importância de cada etapa, para isso é essencial ter um bom escopo. É como um mapa, que identifica os objetivos e como devem ser avaliados.

É expor exatamente o que precisa ser feito, a que tempo e com qual custo. Ainda que o escopo seja um elemento indispensável para o gerenciamento ele não pode ser inteiramente rígido. As obras são reféns de situações incontroláveis e, por isso, é importante que ele seja flexível.

Embora a gestão ocorra de maneira mais acelerada durante a execução da obra, a finalização não deve ser desprezada. Analise tudo que foi realizado em relação ao planejado, os custos reais e o tempo necessário.

Agora que você entendeu quais são as principais causas dos atrasos na construção civil, veja também sobre a importância do cronograma de obras.

Visite nosso site agora e conheça as melhores ferramentas para gestão e controle para sua obra!

Boas práticas
Talvez você também goste:

Receba conteúdos em seu e-mail!

    Conteúdos recomendados

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Preencha esse campo
    Preencha esse campo
    Digite um endereço de e-mail válido.
    Você precisa concordar com os termos para prosseguir