Como fazer o controle de entrada e saída de materiais? Saiba

  1. Início
  2. Boas práticas
  3. Como fazer o controle de entrada e saída de materiais? Saiba

Antes de iniciar qualquer tipo de obra, é fundamental realizar um bom planejamento. Essa etapa do empreendimento engloba orçamento, contratação de pessoal e controle de entrada e saída de materiais. Nesse contexto, o monitoramento dos insumos é essencial para que as obras não atrasem e para que o prazo seja cumprido, conforme estabelecido em contrato.

Fazer o controle de entrada e saída de materiais auxilia o gestor a avaliar quais insumos são mais importantes nas mais diversas etapas do processo construtivo, além de facilitar o gerenciamento no canteiro de obras. Contar com ferramentas tecnológicas é uma ótima alternativa para garantir maior eficiência nesse processo.

Caso você ainda não saiba como controlar a entrada e saída de materiais da sua obra, leia este post até o final. Vamos aprofundar mais no tema, mostrando sua importância e dando dicas de como implantar essa etapa de forma clara e segura. Confira!

O que é o controle de entrada e saída de materiais?

Realizar o controle de entrada e saída de materiais é monitorar e distribuir, de acordo com as necessidades, todos os insumos necessários para a execução de uma determinada construção. Nessa etapa, o gestor deve desenvolver estratégias de logística para o transporte e armazenamento desses materiais dentro do canteiro de obras, além de ajudar a definir a quantidade necessária de insumos para cada etapa do empreendimento.

Qual a importância do controle de entrada e saída de materiais?

O controle de entrada e saída de materiais é uma das etapas mais importantes de uma obra. Só dessa forma, é possível adaptar todos os processos produtivos dentro do canteiro de obras, respeitando o cronograma e evitando desperdícios e prejuízos. Qualquer tipo de movimentação deve ser registrada de forma clara, como a finalidade e o tipo de material a ser usado em cada etapa da obra.

Além disso, o controle de entrada e saída de material envolve outras tarefas, como organização, deslocamento e armazenamento de insumos, além da transferência dos produtos para outros locais do estoque. Todos esses pontos influenciam diretamente na qualidade e produtividade e ainda oferecem diversos benefícios. Veja alguns deles, a seguir.

Reforça a segurança

O controle de entrada e saída de materiais evita, principalmente, que os produtos sejam desviados para outras funções na obra e até de locais no estoque, descuidos que podem levar a inúmeros transtornos e prejuízos. Por isso, esse controle oferece mais segurança e confiabilidade nos dados, levando ao sucesso nos resultados da obra.

Redução de desperdícios

Reduzir desperdícios é o mesmo que diminuir os riscos de perdas financeiras. O controle de entrada e saída de materiais ajuda a monitorar o prazo de validade dos produtos armazenados, fazendo com que os utilize da melhor maneira possível. Assim, se evita prejuízos financeiros e desperdícios.

Gestão de compras mais eficiente

Ao controlar os materiais que entram e saem do canteiro de obras, o gestor consegue se planejar e realizar as compras para reposição de insumos na hora mais oportuna. Cruzando esses dados com as projeções de demanda do projeto, é possível calcular quanto tempo o estoque durará e quando as compras devem acontecer, sem danos ou prejuízos para o empreendimento.

Como controlar a entrada e saída de materiais?

Qualquer movimentação de materiais dentro do canteiro de obras precisa ser devidamente documentada, em geral isso é feito pelo gestor da obra. Além de registrar todas as entradas e saídas de materiais, deve-se considerar também as transferências de materiais e os equipamentos de obras. É essencial que esses dados sejam seguros e precisos, para evitar transtornos e prejuízos. O uso de ferramentas tecnológicas é uma ótima alternativa. Veja, a seguir, algumas dicas de como controlar a entrada e saída de materiais.

Crie padrões de entrada e saída

Da mesma forma que é preciso controlar o fluxo de caixa, é essencial controlar a entrada e saída de materiais. Para isso, é preciso criar padrões e regras para a forma como os insumos vão entrar e sair do estoque, assim como sua forma de armazenamento. Evitar que os processos sejam feitos de qualquer maneira é uma forma de garantir o sucesso do empreendimento.

Prepare uma ficha de material

A ficha de entrada e saída de material é um documento importante e tem como objetivo comprovar toda a movimentação do estoque no canteiro de obras. É por meio das informações contidas nessa ficha que o gestor saberá quais materiais chegaram, saíram e quais precisam ser repostos, além de saber a data e por qual motivo foi feita toda a movimentação.

Capacite a equipe

Pode ser que boa parte dos trabalhadores no canteiro de obras não tenha domínio de processos automatizados. Por isso, ao adotar uma ferramenta para auxiliar no controle de entrada e saída de materiais, é fundamental orientar e treinar a equipe para evitar erros que podem gerar transtornos e prejuízos.

Estabeleça o fluxo de materiais

Estabelecer o fluxo de entrada e saída dos materiais no canteiro de obras também é essencial para garantir que o empreendimento cumpra o orçamento e o prazo de finalização. Para que esse processo seja feito com eficiência, diversas variáveis devem ser consideradas, como a segurança dos trabalhadores e o não comprometimento da produtividade.

Implemente ferramentas de gestão

Para facilitar e oferecer mais segurança nos dados coletados, é essencial implementar um sistema de gestão que favoreça a administração do estoque, das compras, dos fornecedores e tudo mais que envolva o controle de entrada e saída de materiais no canteiro de obras.

A automação dos processos por meio do uso de software confiáveis favorece o desempenho e a qualidade dos serviços prestados na obra. As ferramentas tecnológicas oferecem dados mais precisos e seguros, o que permite um controle de entrada e saída de materiais mais eficiente.

Portanto, o controle de entrada e saída de materiais é essencial para garantir a produtividade e qualidade no canteiro de obras. Para ajudar na gestão desses processos, conte com softwares que ajudam na coleta e distribuição de dados. A Qualitab possui ferramentas que otimizam os trabalhos, reduzem os custos e eliminam a necessidade de retrabalhos.

Quer saber mais sobre a gestão de obras com o uso da tecnologia? Entre em contato com a Qualitab e conheça o nosso software!

Boas práticas
Talvez você também goste:

Receba conteúdos em seu e-mail!

    Conteúdos recomendados

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Preencha esse campo
    Preencha esse campo
    Digite um endereço de e-mail válido.
    Você precisa concordar com os termos para prosseguir